terça-feira, 29 de dezembro de 2009

O significado do Natal

Ei, você, aonde vai com tanta pressa?

Eu sei que você tem pouco tempo...
Mas, será que poderia me dar uns minutos da sua atenção?
 Percebo que há muita gente nas ruas, correndo como você.
 Para onde vão todos?
 Os shoppings estão lotados...
 Crianças são arrastadas por pais apressados, em meio ao torvelinho...
 Há uma correria generalizada...
 Alimentos e bebidas são armazenados...
 E os presentes, então? São tantos a providenciar...
 Entendo que você tenha pouco tempo.

Mas, qual é o motivo dessa correria?

Percebo, também, luzes enfeitando vitrines, ruas, casas, árvores...
 Mas, confesso que vejo pouco brilho nos olhares...
 Poucos sorrisos afáveis, pouca paciência para uma conversa fraternal...
 É bonito ver luzes, cores, fartura...
 Mas seria tão belo ver sorrisos francos...
 Apertos de mãos demorados...
 Abraços de ternura...
 Mais gratidão...
 Mais carinho...
 Mais compaixão...
 Talvez você nunca tenha notado que há pessoas que oferecem presentes por mero interesse...
 Que há abraços frios e calculistas...
 Que familiares se odeiam, sem a mínima disposição para a reconciliação.
 Mas, porque você me emprestou uns minutos do seu precioso tempo, gostaria de lhe perguntar novamente: Para que tanta correria?
 Em meio à agitação, sentado no meio-fio, um mendigo, ébrio, grita bem alto: Viva Jesus. Feliz Natal!
 E os sóbrios comentam: É louco!
 E a cidade se prepara... Será Natal


 Mas, para você que ainda tem tempo de meditar sobre o verdadeiro significado do Natal, ouso dizer:
 O Natal não é apenas uma data festiva, é um modo de viver.
 O Natal é a expressão da caridade...
 E quem vive sem caridade desconhece o encanto do mar que incessantemente acaricia a praia, num vai-e-vem constante...
 Natal é fraternidade...
 E a vida sem fraternidade é como um rio sem leito, uma noite sem luar, uma criança sem sorriso, uma estrela sem luz.
 Mas o Natal também é união...
 E a vida sem união é como um barco furado, um pássaro de asas quebradas, um navegante perdido no oceano sem fim.

E, finalmente, o Natal é pura expressão de amor...

E a vida sem amor é desabilitada para a paz, porque em sua intimidade não sopra a brisa suave do amanhecer, nem se percebe o cenário multicolorido do crepúsculo.
 Viver sem a paz é como navegar sem bússola em noite escura... É desconhecer os caminhos que enaltecem a alma e dão sentido à vida.
 Enfim, a vida sem amor... Bem, a vida sem amor é mera ilusão.

* * *

Que este Natal tenha sido, para você, mais que festas e troca de presentes...

Que possa ter sido um marco definitivo no seu modo de viver, conforme o modelo trazido pelo notável Mestre, cuja passagem na Terra deu origem ao Natal...

o nascimento do menino Jesus.








PENSA NISSO! ;)


;*

quinta-feira, 17 de dezembro de 2009

Djavan - um amor puro

O que há dentro do meu coração
Eu tenho guardado pra te dar
E todas as horas que o tempo
Tem pra me conceder
São tuas até morrer

E a tua história, eu não sei
Mas me diga só o que for bom
Um amor tão puro que ainda nem sabe
A força que tem
é teu e de mais ninguém

Te adoro em tudo, tudo, tudo
Quero mais que tudo, tudo, tudo
Te amar sem limites
Viver uma grande história

Aqui ou noutro lugar
Que pode ser feio ou bonito
Se nós estivermos juntos
Haverá um céu azul

Um amor puro
Não sabe a força que tem
Meu amor eu juro
Ser teu e de mais ninguém
Um amor puro !    ♫





          ------------------------------------------
Essa letra fala por si só :)
Nem precisa de descrição,oks?


Só digo uma coisa... Saudades...  :/
(♥'

Como tudo deve ser ♫

' Eu não preciso de promessas e acho que você também,
Eu não tento ser perfeito e acho que você também.
Dias e noites, pensando no que fiz,
Eu sou um vencedor, eu lutei pelo o que eu quis,
Mas quando não se pode mais mudar tanta coisa errada,
Vamos viver nossos sonhos, temos tão pouco tempo. ' ♫

(Como tudo deve ser - Charlie Brown Jr.)


:/

Charlie Brown Jr. - Dona do meu pensamento

~ Seremos donos do nosso amanhã, se estivermos unidos
Em sintonia com os nossos sonhos mesmo se não formos iguais,
Pois não somos iguais!

Eu caminho no meio da multidão e me sinto a vontade, pois partilhamos
Noites, ruas e sonhos, como se fossemos iguais!

Pois me faz tocar o céu, ver você sorrir
Vem lua, vem, vem dançar pra mim!
Ninguém em seu lugar, então deixa a noite seguir
Bom poder brindar que você está aqui!

Dono do meu pensamento, você, nossa história!

Observados por dragões ferozes, lutamos pra sobreviver
Mas precisamos realmente saber o real valor que a vida tem

Eu caminho no meio da multidão, eu me sinto a vontade, pois partilhamos
Noites, ruas e sonhos, como se fossemos iguais!

Pois me faz tocar o céu, ver você sorrir
Vem lua, vem, vem dançar pra mim!
Ninguém em seu lugar, então deixa a noite seguir
Bom poder brindar que você está aqui!

Dono do meu pensamento, você, nossa história!

Eu sempre vou te amar, eu sei que eu sempre vou te amar!

Dona do meu pensamento, você, nossa história!
Dona do meu pensamento, você, nossa história!
Nossa história... nossa história... nossa história... nossa história... ~


                      ------------------------------------------------------------------


Musica liinda *-----*
To tão ausente de tudo,ultimamente... To com tanta saudade dos meus amigos,dos meus amores... Não ta fácil ='(
Mas a vida segue,uma hora esse momento ia chegar,trabalhar..trabalhar..terminar os estudos,não vê-los tão frequentemente como eu os via... Vida adulta é tão ruim :/
Mas a gente tem que seguir em frente,né?
E amizades verdadeiras,sentimentos verdadeiros,continuam,mesmo com a distância,mesmo com uma pequena (ou grande) ausencia...
Eu acredito que tudo na minha vida dê certo,se não for agora,vai ser depois,mas vai dar certo! E sei que os que sempre estiveram do meu lado,estarão sempre que eu precisar.
 Mas... Essa distancia me mata! :'(
Vivendo e aprendendo,né?
Ah..sei lá :/
Precisava postar aqui,só isso ^^
Beeijos ;*